About Us, Location, Instalations About the Shetland Sheepdog, The breed History, Standard and Curiosities Our Shelties,  Pictures and Pedigrees Available Puppies Check Here !!! Our details and location ! Back to Index - Página Inicial




(Foto: Olives Mount Galego fotografado em sua função de pastoreio por seu dono Octaviano e Gabriela)

O Pastor de Shetland, carinhosamente chamado de Sheltie, é uma raça que teve sua origem nas Ilhas de Shetland, na Escócia. Existem artigos de visitantes da ilha que comentam sobre este cão já em 1844.
As Ilhas de Shetland possuem um clima extremamente frio, com invernos rigorosos e ventos gelados. Daí a necessidade de um cão pastor com uma pelagem farta que suportasse o frio da região.

Por se tratar de uma Ilha, era inviavel criar grandes animais, então desenvolveram na região animais como gado, ovelhas e porcos com tamanhos pequenos. Por este motivo era necessário um cão pastor também de tamanho diminuto que não assustasse os animais na hora da lida nas fazendas. Os Shelties tornaram-se ainda mais queridos pelos moradores da ilha quando começaram a chamar a atenção de visitantes estrangeiros, se tornando assim uma fonte de renda também na venda e/ou troca destes cães.

No século XIX a raça foi levada para a Inglaterra onde conquistou admiradores. Após guerras e a revolução industrial a raça perdeu força até quase sua extinção. Para evitar isto, em meados do século XX, Ingleses introduziram collies em cruzamentos com os Shelties.

Foi reconhecido como raça pelo Kennel Club da Inglaterra em 1909 e mais tarde pela FCI (Federação Cinológica Internacional) em 1987 e hoje já faz sucesso em muitos países, incluindo no Brasil onde se destaca em provas de agility e adestramento.


(Foto: Edmilson Reis fotografando McFly, Leeloo & Pringles)
Temperamento:
É uma raça afetuosa e muito receptiva junto ao dono, mas é bem reservado com estranhos, porém nunca nervoso.
Quando o filhote chega em casa é necessário socializá-lo com estranhos para que não fique muito tímido e logo estabeleça um bom relacionamento com pessoas. Com crianças é brincalhão mas deve conviver com elas desde pequeno para que se adapte.
O Sheltie é extremamente inteligente e pode ser facilmente adestrado. Hoje é muito comum ver cães desta raça sendo usados em agility e outros campeonatos que exigem um alto grau de obediência.


(Nas Fotos: Vic com seu rebanho)
Manutenção: 

(Foto: Olives Mount Fifth Element)

Ao contrário do que se pensa, a pelagem do Sheltie não é em nada trabalhosa. Pelo contrário. O sheltie possui um pêlo "auto-limpante" e é muito comum ouvir de proprietários de shelties que os banhos não precisam ser tão frequentes.
É possível manter o sheltie com banho seco, usando lenços umedecidos e um pouco de talco ou produto especifico para tal (usamos Banho Seco da Dog Clean).
Nós utilizamos lenços umidecidos de bebês para passar na superficie do pêlo, no rosto e nas partes intimas dos cães. Depois, usa-se uma rasqueadeira para escovar o pêlo e para finalizar um pouco de talco e pronto. Ele está pronto para ficar no seu colo.

Nós indicamos banhos sim. Mas não toda semana. Se o cão vive dentro de casa ele consegue ficar limpo com banhos mensais e escovações semanais.

A raça possui uma característica engraçada: Eles parecem gatos. Se enroscam em nossas pernas, rossam o corpo chamando a atenção pedindo carinho e ficam como uma sombra o tempo todo atrás dos humanos procurando saber o que estão fazendo.

Porém, não são tão carentes a ponto de exijir nossa atenção o tempo todo. Se treinados desde cedo, acostumam a ficar sozinho enquanto o dono está fora de casa. Mas são cães ativos que gostam muito de brincar, então se você fica muito tempo fora de casa o minimo que se deve fazer é gastar a energia do cão com muitas brincadeiras em que você também faça parte. Shelties amam interagir com humanos e ficam tristes quando não ganham sua atenção.

Perguntas Frequentes:

(Foto: Olives Mount IlumiNation at Cermel)

O Sheltie não precisa ser tosado !!!
A pelagem abundante do cão é um isolante térmico tanto para o frio quanto para o calor.
O que mata um cão não é o calor, e sim o sol !!!!!
Portanto, nada de passeios em pleno dia de verão ao meio-dia no calcação do Rio de Janeiro ou de qualquer outra cidade. Os cães ficam mais próximos ao solo e superaquecem mais facilmente pois estão em total contato com o chão quente. Tenha consciência.

Existem tosas (trimming) específicas para a raça especialmente para cães de exposição.
Caso deseje diminuir o volume do pêlo você pode pedir uma tosa na tesoura, mas nunca na máquina.

Ao contrário de muitas raças de pêlo curto, o Sheltie possui uma muda sazonal, ou seja, o pêlo não cai todo o tempo como acontece com a maioria dos cães de pêlo curto. Por terem uma pelagem dupla (double-coated) diferente por exemplo de raças como pug, beagle, dobermann; os shelties só soltam pêlo uma vez ao ano !

Neste período você pode utilizar resursos para evitar que o pêlo caia pela casa.
Existem rasqueadeiras no mercado (Furminator) que ajudam a remover o pêlo morto de uma só vez, antes que caia durante todo o mês.

O Sheltie não tem mau cheiro !!!
Eles não possuem glândulas como outras raças e não tem problemas com lágrimas e sebo na pele.
São extremamente limpos e sabem se manter assim.

Shelties adoram atividades, mas não exigem caminhadas longas diárias.
Na verdade adoram mais ficar dormindo ao nosso lado do que exercitando, mas todo cão precisa ter atividades para que fiquem saudáveis e felizes.
Recomendamos que você tenha pelo menos 1 hora para passear e brincar, mesmo que seja dentro de casa.
E se for possivel, tente fazer agility nos finais de semana.
Faz bem tanto para ele quanto para você !!!


(Foto: Johnny fotografando Fergie)
Para maiores informações, peça-nos nosso Livro sobre o Sheltie !!!
Conheça nosso Pet Resort no Litoral Norte !!!